Os Queridinhos do momento, os deliciosos Macarons! ❤️🧡💛💚💙💜😋


Supercharmoso e saboroso, o macaron (pronuncia-se “macarrôm”) é um docinho tipicamente francês que faz sucesso no mundo todo.

Ao andar por Paris é fácil avistar confeitarias de todos os tipos em cada rua, e nela, a sua estrela principal fica logo na vitrine,  o Macaron, que chama a atenção de todo mundo pela bela variação de cores.

O doce com receita centenária, e que hoje é aclamado em toda a França como o símbolo da fantástica confeitaria do país, depois de algum tempo fora de moda, voltou à cena na ultima década, e ganhou espaço em cidades de todo o mundo.

Iguaria típica francesa, o macaron possui origem italiana, explicando também o seu nome, o seu nome, provem da palavra italiana para massa “macarrone”.

O macaron passou por inúmeras modificações até chegar ao que é hoje. Ele chegou a França em 1533, levado pelos chefs de confeitaria de Catherine de Medici, esposa do rei Henri II, porém, a ideia do Macaron que consumimos hoje em dia foi criada por Pierre Desfontaines Ladurée, que no inicio do século XX juntou os dois biscoitos de merengue e preencheu com ganache de chocolate, mas hoje temos vários sabores, para a nossa alegria!


Dizem que não são em todos os lugares que se encontra um macaron de qualidade aqui em Paris, pois por ter virado um grande moda, e que deu certo, qualquer padaria e café vende macaron, até mesmo no Mc Donalds, porém, o Macaron considerado uns dos melhores de Paris e o do Pierre Hermé e esse vale cada euro pago.

Ele segue a regra a risca, crocante por fora, úmido e macio por dentro, e possui o diferencial de ter sabores que fogem dos tradicionais. É passagem obrigatória pra quem gosta de um macaron em seu estado perfeito!


Até a Rainha da França Maria Antonieta caiu de amores pelo doce, e devido a sua popularidade, os macarons ficaram conhecidos como “o doce da Rainha”.

 Um filme que retrata bem essa paixão dela pelo doce é “Maria Antonieta” (Marie Antoinette, 2006) e no Palácio de Versailles você encontra a loja da Ladurée, outra grande marca na França.

O doce só ficou popular ao final da Revolução Francesa quando duas freiras que guardavam a receita a sete chaves começaram a comercializar a guloseima. Nessa época, o doce ficou conhecido como Souers Macaron (Irmãs Macaron). 
Uma coisa é certa: os macarons são considerados um dos doces mais trabalhosos para se fazer. Atingir a perfeição em textura, cor e forma é um trabalho exaustivo. Segundo os chefs da Ladurée, “é necessário ter mãos de artesão, paciência de monge e disciplina militar, porque se trata de um doce temperamental”.   No Brasil o doce está famoso, dizem que é o queridinho das festas de aniversário e casamentos, além de gostosos, contribuem e muito para a decoração, deixando um ambiente requintado e delicado, típico dos franceses, além disso, é uma lembrança fofa que já começa a substituir o clássico bem-casado em casamentos mais requintados!

  
  
O sucesso é tanto que a marca Ladurée chegou ao Brasil, mais precisamente no shopping Iguatemí em São Paulo em 2012.



Toda a produção, dividida entre a França e a Suíça, passa por um processo de congelamento rápido antes de entrar em contêiner refrigerado e embarcar de navio ou avião para São Paulo.    Infelizmente a notícia é que a  famosa confeitaria francesa Ladurée encerrou as suas atividades no Brasil em março de 2016, quatro anos depois de sua inauguração.

Segundo o diretor da marca no país, Luis Camanducci, a culpa é da crise. “O valor da importação é inviável para ter um negócio de fora”, explica. De acordo com ele, tudo o que está na loja vem da França, do guardanapo aos famosos macarons, doce feito à base de farinha de amêndoas.

Aberta em junho 2012 no Shopping JK Iguatemi, em São Paulo, a loja começou cobrando R$ 9 por um macaroon avulso. Hoje o preço é de R$ 11, mesmo valor que custa para importar cada doce. “No começo era possível absorver o custo, mas no momento não temos como repassar isso ao cliente”, explica Camanducci.  
Em seu último dia, a loja estava com 50% de desconto em todos os itens, exceto o macaron avulso.

Ladurée é uma marca famosa, que poderia estar indo muito bem no Brasil, e ter que fechar as portas por conta da alta carga tributária, é inaceitável, imaginem vocês que os brasileiros fazem fila nas lojas em Paris para comprar os macarons,  é triste ver empresários e empreendedores que investem no Brasil passar por essas situações, aonde o Estado não ajuda no desenvolvimento das pequenas empresas.


 Para a alegria dos Brasileiros, o país conta com muitas confeiteiras  talentosas e com mãos de fada que fazem macarons muito bem e podem preparar para todos, mas a quem interessar, vou passar uma receita e espero que o resultado seja bom!

Macaron de chocolate
Ingredientes

  • 125 g de farinha de amêndoas
  • 125 g de glaçúcar(açúcar de confeiteiro) (8,3 colheres de sopa)
  • 03 claras de ovo
  • 125 g de açúcar refinado (8,3 colheres de sopa)
  • 10 g de cacau em pó (01 colher de sopa cheia)

Recheio

  • 100 g de chocolate meio amargo (01 xícara cheia)
  • 50 g de creme de leite fresco ( 03 colheres de sopa cheias)

Modo de Preparo

  1. Peneirar as amêndoas junto com o glacúcar. Reservar.
  2. Levar as claras e o açúcar ao banho-maria até atingirem 40ºC (até que o açúcar se dissolva).
  3. Bater as claras com o açúcar até que atinjam picos médios.
  4. Com uma espátula misturar a farinha de amêndoas e o glaçúcar peneirados. Adicionar o cacau em pó.
  5. Forrar uma assadeira com um tapete de silicone.
  6. Colocar a massa dos macarons num saco de confeitar com bico perlê ( bico para decoração de doces) e pingar os macarons sobre a assadeira preparada.
  7. Levar ao forno a 90ºC por 10 minutos.
  8. Aumentar a temperatura para 120ºC e deixar por mais uns 20 a 25 minutos.
  9. Retirar do forno, resfriar bem para desenformar.
  10. Pressionando com o dedo, afundar ligeiramente o meio da base do macaron e com um saco de confeitar pingar o recheio.
  11. Unir de dois em dois como bem-casados.

Para o recheio

  • Derreter o chocolate com creme de leite em banho-maria e esperar esfriar.


Espero que a receita seja boa, quem fizer me conte o que achou!

Bisous e Au revoir!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s