Chambre de Bonne 🚪🛋🙋🏻‍♀️

Olá pessoal, hoje venho falar para vocês sobre algo muito popular e até concorrido aqui em Paris, mas muitas vezes pouco conhecido pelo restante do mundo, eu vou falar para vocês a história do “Chambre de Bonne”, que traduzindo é simplesmente o “Quarto de Empregado”.

Um quarto de empregada é um quarto separado de um apartamento, geralmente fica no último andar do prédio, iluminada por janelas do telhado e geralmente acessível por escadas de serviço específicas, originalmente projetado para servir como um quarto a um dos funcionários contratados pela família que ocupa o resto da habitação.

Dado o nível social dos ocupantes a quem se destinavam, os quartos da empregada são caracterizados por um espaço muito pequeno (especialmente porque eles costumam ser um loft), e um conforto mínimo, sendo, por exemplo, os banheiros geralmente instalados no corredor para ser compartilhado com todos os outros ocupantes do chão.

Isso nos parece estranho, mas antigamente era assim em muitos hotéis de Paris.

Me lembro de uma entrevista da Maria Bethânia em que ela disse que no hotel que ficava em Paris, ela dividia o banheiro com Marcelo Mastroianni. Isso tem mudado, não podemos esquecer que Paris é uma cidade antiga, e que fazer alterações nos imóveis envolve muita burocracia.

Os Chambres costumam gerar polêmica, pois, em muitos casos, as condições de vida já foram consideradas escandalosas por alguns e já denunciadas. Alguns definem como uma vergonha da civilização, sendo que no passado foi um antro de tuberculose, mas hoje isso mudou muito, vou explicar.

Atualmente, o proprietário que deseja alugar um Chambre, deve submetê-lo a uma fiscalização da prefeitura, isso quando são alugados dentro da lei, pois muitos são alugados “ao negro”, sem fiscalização e sem autorização, portanto existem fraudes, mesmo assim, são concorridíssimos, sobretudo porque geralmente são “baratos” e em ótima localização. Muitos estudantes moram nos chambres, muitos estrangeiros, os chineses por exemplo, eles amam, moram, às vezes, 3 em um mesmo chambre, isso eu considero uma loucura, pois estamos falando de ambientes de 10 a 15 metros quadrados.

A questão do chambre é simples, bom preço e localização, para quem está começando a vida em Paris é o que salva, com o tempo tudo melhora e já passam a morar studios, dividir apartamento e evoluir.

Muitos chambres são tão bem cuidados e organizados, que são bem atrativos, fora que alguns possuem vista privilegiada, localização fantástica e pertinho do metrô.

Eu posso falar com propriedade, pois já morei em um Chambre de Bonne pertinho da Torre Eiffel por 9 meses, foi uma experiência enriquecedora!

Eu costumo dizer que saí da minha casa no Brasil e vim recomeçar a vida em Paris do zero, portanto abdiquei de muita coisa, uma delas foi sair do luxo em que vivia (minha casa no Brasil é linda, enorme e com uma piscina que era minha alegria) e fui morar em um apartamento do tamanho do meu banheiro da minha suíte no Brasil, imagine a diferença, mas eu digo uma coisa, saí de um luxo para vir para outro luxo, vou explicar!

Foi a partir dessa transição, e justamente quando eu morava no chambre, que eu descobri a felicidade. A felicidade de morar em Paris, do privilégio de poder recomeçar e de ser eu mesma minha provedora, ser independente, ganhar meu dinheiro e viver bem, viajar e fotografar.

Eu fiz do meu chambre meu paraíso, era bonitinho, arrumadíssimo, com uma vista linda, pelo menos eu considerava linda, eu tinha ali tudo que precisava, meu quarto, minha cozinha e meu banheiro, o problema foi a escada, eu comecei a ficar nervosa com a escada, passou a ser o problema da minha vida, então eu decidi que a fase do chambre havia acabado, eu precisava partir para um studio, e foi isso que fiz.

Um problema que considero no chambre é a escada, geralmente não possuem elevador e você tem que subir 6 ou 7 andares de escada, imagine isso com compras na mao e até malas pesadas, é um sufoco. Outra coisa que pode ser a solução, como também um problema, é que devido o espaço limitado, muitos possuem mezanino, ao invés de camas, eles são práticos e eficientes, muitos tem armários em baixo e isso ajuda, mas e quando você capota lá de cima, como aconteceu comigo, não é muito bom né, foi traumático!

Paris possui muitos Chambres de Bonne para locação, meu sonho era encontrar um na Île de Saint Louis, pois la é o melhor lugar de Paris na minha opinião.

Alugar em Paris é muito caro, essa é a nossa realidade, viver aqui é caro, um aluguel de chambre pode variar de 350 euros até uns 650 euros, como eu disse, a localização é o que nos atrai, multiplique isso por 4 e veja o valor em real, você terá a dimensão do valor pago.

Eu conheci uma família americana que tinha um Chambre de Bonne apenas para vir passar férias em Paris, lá no bairro Saint Germain des Prés, achei o máximo!

Vou passar uma dica de filme para vocês assistirem que mostra muito bem o que foi o Chambre de Bonne, se chama “As mulheres do sexto andar”

Espero que tenham gostado de conhecer um pouco da história e realidade francesa.

Bisous et à bientôt!

Vanessa

6 comentários sobre “Chambre de Bonne 🚪🛋🙋🏻‍♀️

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s