As Abelhas da Notre Dame de Paris 🐝🌻🍯

Bonjour mês amis, ça va bien ?
Hoje vou mostrar para vocês como é forte a apicultura em Paris, vem comigo!
Nos últimos 10 anos, Paris vem registrando alta na apicultura urbana, assim como Londres e Nova York, com mais de mil colmeias instaladas no topo de edifícios históricos, bem como em pomares comunitários espalhados pela cidade.
Existem colmeias sobre a Monnaie de Paris (que cunha moedas de euro) e também sobre o Musée D’Orsay e até restaurantes.
Para os interessados, existem aulas sobre apicultura ministradas nos Jardins do Luxemburgo e estão sempre cheias, com cerca de 200 alunos se formando a cada ano.Funciona da seguinte maneira, operadores de pomares e hortas comunitários em Paris solicitam colmeias à prefeitura, que as distribui aos pomares e outros locais. 
O número de organizações que recebem colmeias vem crescendo gradualmente, porque a cidade quer garantir que a população de abelhas não exceda a disponibilidade de pólen e néctar oferecida pelas árvores e flores dos parques, jardins e cemitérios.
Um dos motivos para que as pessoas desejem criar abelhas é que isso é uma maneira de participar da proteção ao meio ambiente, pois segundo especialistas, a abelha é o inseto mais essencial para a vida do planeta, os benefícios ambientais das abelhas estão bem documentados; elas respondem pela polinização de cerca de um terço das safras alimentícias do planeta. Olhem que interessante, algumas colmeias podem produzir mel suficiente para abastecer a cozinha de um restaurante, pois em média, uma colmeia produz cerca de 25 quilos de mel por ano, mas sua capacidade pode ser muito maior ou muito menor, a depender de diversos fatores. 🍯
O restaurante La Tour d’Argent, que tem duas estrelas no Guia Michelin, mantém colmeias em seu telhado, para produzir o mel usado como tempero em alguns de seus pratos de outono, e em suas sobremesas, o mesmo vale para o Mandarin Oriental Hotel.Restaurante Tour d’Argent - NYT/DMITRY KOSTYUKOV
Restaurante Tour d’Argent – NYT/DMITRY KOSTYUKOV
A Ópera Garnier vende o mel produzido em seu telhado na loja de souvenires do teatro. Aliás, não posso deixar de dizer que a loja de souvenires da Ópera Garnier é uma das mais fantásticas que já vi, assim como do Museu Invalides, não deixem de conhecer! As seguintes Fotos são da Fotógrafa Lizzie Sadin. Um dos lugares mais interessantes, na minha opinião, é a maravilhosa Catedral de Notre Dame, que possui um espaço específico para a apicultura, são três colmeias e estão localizadas no topo sul da sacristia, cerca de 30 metros abaixo do telhado principal e cada uma delas alberga cerca de 60 mil abelhas. Mas aí vem a pergunta, após o incêndio de 2018, o que aconteceu com as abelhas?
Sim, elas sobreviveram aos gases tóxicos e felizmente elas estão muito bem.
Apicultor Nicolas Grand
Ao ler mais sobre o assunto eu encontrei o depoimento do Apicultor Nicolas Grand que diz o seguinte: 
“Em vez de matá-las, o CO2 [da fumaça] as deixou bêbadas, colocando-as para dormir.
Quando as abelhas sentem o fogo, elas se esbanjam no mel e permanecem ali para proteger a rainha, que não se mexe.
Como as abelhas não têm pulmões, elas não inalam a fumaça, que é até usada ocasionalmente por apicultores para acalmar as abelhas.
Elas respiram por uma traqueia e se comunicam por feromônio, substância química produzida para fora do corpo.
Se uma colmeia se agita quando detecta perigo, as abelhas lançam o feromônio como alerta para o resto do enxame.
No entanto, a fumaça pode mascarar a substância e afetar a sensibilidade das antenas das abelhas, o que as deixaria mais calmas”.
Após uma investigação de cerca de 4 semanas, puderam confirmar que elas estavam vivas, mesmo diante de tanto calor, e felizmente, cerca de 30.000 a 45.000 abelhas que estão espalhadas por 3 colmeias continuam lá, uma boa notícia né! 🐝 Uma curiosidade, para onde vai o mel da Notre Dame, podemos comprar ? Não, infelizmente o mel não é comercializado, mas tem uma ótima justificativa, o mel produzido pelas colmeias no topo da Notre Dame é doado aos pobres, fantástico, não? 🐝🍯
Eu espero que tenham gostado de saber mais uma curiosidade sobre Paris e que na sua próxima visita à cidade possa experimentar o sabor do mel parisiense, não apenas daqui, mas saiba que na região de Provence você encontrará mel delicioso, óleo de oliva fantástico e muitos produtos incríveis produzidos a partir de lavanda e rosas.
Eu sempre digo e não me canso de repetir, a França sempre surpreende!
Bisous et à bientôt 😘
Vanessa 🌻

Fontes:
➡️Folha de SP 
➡️ https://cdurable.info/spip.php?page=imprimersans&id_article=3385
➡️ http://parismamanetmoi.com/2016/02/01/sauvons-les-abeilles-parisiennes/
➡️https://www.la-sca.net/spip.php?article79
➡️https://www.geo.fr/environnement/du-plomb-de-lincendie-de-notre-dame-retrouve-dans-le-miel-de-ruches-parisiennes-201508?amp
➡️https://aventurasnahistoria.uol.com.br/amp/noticias/historia-hoje/abelhas-que-viviam-no-telhado-da-catedral-de-notre-dame-sobreviveram-ao-incendio-apos-ficarem-bebadas.phtml

Um comentário sobre “As Abelhas da Notre Dame de Paris 🐝🌻🍯

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s